07/03/2016

[Resenha] Cinco Minutos e Viuvinha - José de Alencar

Título: Cinco Minutos e Viuvinha
Ano: 1998
Páginas: 108
Autor: José de Alencar
Editora: Ciranda Cultural
Compre aqui: Saraiva 
Skoob












Oiii gente, como vocês estão?

Bom, irei resenhar os dois livros juntos porque estão na mesma edição, separados. A metade do livro é Cinco Minutos e outra metade é Viuvinha. Comprei este livro no dia da famosa feira do livro que sempre estou comentando, porém comprei em um sebo na rua que acontece por R$2,00 sempre tive bastante curiosidade em ler estes dois livros!


Como vocês puderam ver pela foto da capa, é edição é bem linda, desenhada, sempre procuro comprar livros com desenhos, um vício encantador que minha estante agradece.
Então vamos ao que interessa, não é? Vocês me conhecem e sabem que ficaria o dia inteiro falando sobre qualquer assunto aqui.

CINCO MINUTOS

Muitas coisas acontecem em nossa vida por acaso ou simplesmente para deixar uma marca que teremos que levar para o resto de nossas vidas. Foi assim que aconteceu na história que irei contar hoje.

Um simples gesto, um olhar ou apenas um toque pode mudar a vida das pessoas... Quando menos esperou conheceu alguém. Não o verdadeiro conhecimento, de sentar, conversar e falar besteiras. 
Mas, o conhecer de se envolver pelo olhar, a emoção de poder e querer estar perto.


Às vezes, o diferente e o secreto nos faz querer sempre mais e causa uma paixão avassaladora dentro do nosso peito, faz com que perdemos os sentidos e queremos apenas seguir isso ou aquilo para quem sabe tentarmos ser feliz. 
"A mulher é uma flor que se estuda, como a flor do campo, pelas suas cores, pelas suas folhas e sobretudo pelo seu perfume." Pág. 3
Ele vai em busca do verdadeiro amor, sem conhecer sua verdadeira face, sem ao menos saber a cor de seus olhos e na forma em que piscam, será que gostaria? Ir em busca do desconhecido sempre o deixou preocupado e sem saber ao certo se seria correto ou não, seguir esse caminho, sendo o coração seu guiador.
Seguir nosso coração e a intuição é o que conhecemos nesta obra, são pouquíssimas páginas, mas como me conhecem tenho um amor pela nossa literatura, ainda mais quando tem o nome no meio de José de Alencar.

Recomendo bastante essa leitura, adorei ter tido a oportunidade de conhecer e ler. A escrita do José, foi realmente bem clara e compreensível ao meu ver, relembrando um pouco da forma antiga e clássica que há em vários livros.

Viuvinha 
O livro Viuvinha é diferente de Cinco Minutos, me apeguei muito aos personagens e fiquei triste em vários momentos durante a leitura.

Quem diria que um amor poderia mudar a vida de todas as pessoas que habitavam aquele local? Foi assim que aconteceu com Caroline e Jorge. Tinham um amor incondicional desde a infância, queriam sempre estar juntos e contar seus segredos um para o outro.
Cresceram e decidiram que queriam enfrentar o mundo juntos, ficar realmente um do lado do outro, sempre se apoiando e se amando...coisa rara de se encontrar em nossa atualidade.
"Os dois amantes apertaram-se as mãos e olharam-se com um desses olhares fixos e ardentes que parecem embeber a alma nos seus raios límpidos e brilhantes." Pág. 54
Diante disso, Carolina chorava de amores por Jorge, e o homem à mesma maneira, muitas coisas acontecerem diante de seus olhos para que permanecessem realmente juntos, o que ninguém sabe ao certo, é porque Jorge havia feito o que fez para a moça e para si diante de tanto amor recebido.
Ninguém soube o real motivo, só que a população a haviam conhecido a moça a partir disso de outra coisa, não poderia falar do que, mas vocês já imaginam, não é?

O que falar destes dois livros que li do José de Alencar? Sempre quis poder comprá-los, mas tinha que ser em um sebo, uma edição usada, um vício!  E posso dizer que me arrependi completamente de não ter lido antes, sempre tive muita curiosidade, mas era difícil para encontrar a obra.

E aí, vocês já leram essas obras, ou algum livro da mesma autoria?

Sobre o autor:
José de Alencar nasceu no Ceará, região nordestina do Brasil, no ano de 1829. Antes de ser escritor, José de Alencar atuou como advogado, jornalista, deputado e ministro da justiça. Com 26 anos publicou a obra “Cinco Minutos”, sendo a primeira.









Espero que tenham gostado dos dois livros escolhidos e da resenha.
Até a próxima pessoal!

44 comentários:

  1. Olá, nossa muito legal sua iniciativa de compra em sebo, e ainda mais capas coloridas (adoro), mas as histórias não me atraíram tanto apesar de você ter exposto ela muito bem. Quem sabe na próxima.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Olá, Morgana!
    Sempre apreciando excelentes obras!
    Parabéns mais uma vez! Continue assim.
    Lembro e ter lido Cinco Minutos ha algum tempo. É uma ótima leitura. Recomendo!

    Beijinhosss...
    http://estantedalullys.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Só li um livro do José de Alencar que foi: Senhora. Por causa da escola.
    Não sou fã desse tipo de livro mas, ainda leio alguns nesse estilo.
    Gostei demais como você retrata a história. parabéns!!
    Beijos!

    www.meumundosecreto.com.br

    ResponderExcluir
  4. Nunca li nada do autor e tenho um pouco de receio de ser pesado e tals.
    mas gostei de ver sua felicidade e paixão na resenha :)
    bjs

    ResponderExcluir
  5. Oi Morg, você é uma garota clássica, sempre prestigiando os grandes autores ;)
    Adorei a resenha...eu também gosto muito de comprar livros em sebos, semana passada, consegui um exemplar de 'O Escaravelho do Diabo', que eu estava procurando já faz um tempinho.

    Beijokas da Quel ¬¬
    Literaleitura

    ResponderExcluir
  6. Que Post e resenha incrível. Só li "Senhora" do Zé de Alencar e pretendo ler mais,pois sua narrativa é maravilhosa! Adorei,já vou considerar esse pra fila :)
    Abraço;

    http://estantelivrainos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Li poucos livros de José de Alencar. Tenho aqui O sertanejo e Iracema. Confesso que implico muito com o estilo do autor, mas, principalmente, implico com a visão ideológica, que se ressaltam em suas obras. No entanto, acho que é muito válido conhecer suas obras, pois faz parte da nossa literaturas, da nossa história.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Eu já li os dois livros várias e várias vezes, fez parte de minha adolescência, não diria que hoje leria com a mesma paixão de antes, mas gosto muito das duas obras.

    ResponderExcluir
  9. Feiras e sebos são como potes de ouro no final de um arco-iris, né? Já adquiri muita coisa legal a preços incríveis <3
    Que bom que gostou das leituras, eu ainda não pude conferir essas obras, mas lembro de um que li do José de Alencar, queria lembrar o nome, mas não gostei muito na época, darei uma chance a esses contos e espero gostar e ver com novos olhos também.
    ótima resenha <3
    um abraço
    Pan's Mind

    ResponderExcluir
  10. Olá, do autor eu só me lembro de ter lido Senhora, já faz muito tempo mas me recordo de ter gostado bastante. Essas duas histórias eu ainda não conhecia, mas achei a capa tão bonitinha que já quero ler o livro.

    ResponderExcluir
  11. Olá,

    sebos, infelizmente os daqui são ruins, até possuem muitos e muitos livros, mas parece até cartel, livros usados e caros, me desanima. Sobre o livro de José de Alencar eu confesso que não lembro de se já li, é bem provável que não o tenha feito. www.sagaliteraria.com.br

    ResponderExcluir
  12. Oie, tudo bem? Os sebos da minha cidade não tem mt opção, mas de vez em quando eu garimpo alguns livros por lá. Ainda não li nada do José de Alencar, mas to com alguns livros dele em casa pra ler, coisa de vestibular.

    ResponderExcluir
  13. Oi, tudo bom?
    Li Cinco Minutos há um bom tempo e lembro de ter gostado muito da história e da forma como José de Alencar nos leva pela história.
    Viuvinha eu ainda não li e espero adquirir em breve. Estou para ler Lucíola, que tem uma premissa muito instigante para mim. Não vejo a hora de ler.

    ResponderExcluir
  14. Nossa voltando no tempo, eu li esses livros tempos atrás na minha adolescência para trabalho de literatura, professora que incentivou ainda mais meu gosto por ler, esses livro sem dúvida muitos deveriam ler pelo menos uma vez. Sua resenha ta linda. Bjs

    ResponderExcluir
  15. oi ^^
    pow a primeira vez que eu li cinco minutos parecia que eu ia morrer. achei um saco. nunca pensei em ler de novo, mas quem sabe um dia. eu nunca lia as leituras obrigatórias do colégio/vestibular pq eram todas chatas. Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  16. Oi, tudo bem?
    Não sou muito fã de clássicos, mas somente porque eu era obrigada a ler eles por conta da escola, porém agora, já estou reaceitando os clássicos em minha vida.
    Gostei muito da sua resenha, com certeza lerei!
    Beijos, Larissa (laoliphant.com.br)

    ResponderExcluir
  17. Adorei a resenha dupla, ainda mais sendo de clássicos! Não li esses ainda, adorei conhecer. As capas são mesmo lindas, super fofas! *.*

    ResponderExcluir
  18. Olá, eu ainda não li esse dois livros do autor, mas sem duvida devem estar muito bons *-* A edição tem seu charme delicado pela capa, só não gosto muito dos dois livros estarem juntos, prefiro edições separadas...

    Visite "Meu Mundo, Meu Estilo"

    ResponderExcluir
  19. Oi, tudo bem?
    Eu confesso que não costumo ler livros clássicos e nunca tinha lido nada sobre esses dias, mas fiquei bem animada, ambos parecem ter uma bela história, mas confesso que Cinco Minutos me deixou mais curiosa e animada.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  20. Puxa visa eu já li dois livros do José de Alencar o Guarani que sou apaixonada e Iracema que eu odeio. Nesse amor e ódio nunca mais li nada do autor. Foi bacana ler sua resenha dupla e conhecer mais obras dele, pois são clássicos da literatura.
    Só não sei se leria por agora
    Bj
    Camila Bernardini Coelho

    ResponderExcluir
  21. Olaa! Não sou uma pessoa que ler muito clássicos, mas posso dizer que esse foi o primeiro que li e tenho ele até hoje. E prefiro A viuvinha haha. O meio é do mesmo jeito do seu.

    Beijão da Lari!
    Brilliant Diamond |Fan Page

    ResponderExcluir
  22. O que falar de Jose de Alencar? Eu li poucos livros dele, mas os livros que li, acabei amando todos. E desses que você fez resenha, eu li apenas Viuvinha e que o primeiro livro que tive contato do autor.
    https://nerdbookblog.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  23. Já li Cinco minutos e adorei a história. Já A viuvinha ainda não li, mas tenho ele na estante... eu curto a escrita de Alencar, o primeiro que li dele foi Senhora, e me apaixonei... não pela trama em si, mas pela forma como foi contada... enfim, a questão da contextualização do enredo é bacana...

    bjs, flor... gosto de tuas leituras, fogem do 'mais do mesmo' que vejo muito em alguns blogs... a capa é linda, e vez ou outra acho raridades baratinhas assim em sebos...
    :D

    ResponderExcluir
  24. Olá! Li Estes livros há algum tempo. O que tenho tem a mesma capa que o seu e pra mim é relíquia na estante. Estas duas histórias são muito interessantes e intrigantes também. Fico feliz que você tenha gostado. José de Alencar é era/ é fantástico! *-*

    Um abraço!

    ResponderExcluir
  25. Morgana, eu nunca consegui ler um livro do José de Alencar pela escrita dele me dar sono, mas todo mundo fala que esse livro que traz as duas histórias é muito boa.
    Tenho muita curiosidade de lê-lo e espero gostar.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  26. Olá! Eu já li O Guarani dele e adorei. Esses dois livros eu ainda não li, mas pretendo sim. Aco muito importante lermos clássicos. Fico feliz que tenha gostado pois muitas pessoas não gostas desses livros e tem muito preconceito. Apesar de suas obras seres romanticas e eu não gostar muito desse gênero, abro uma exceção para Alencar.

    Beeijos, Erica Regina
    Blog Parado na Estante / Fanpage Parado na Estante

    ResponderExcluir
  27. Oiee,
    Eu não tenho muito o costume de ler livros publicado assim mais antigamente, sou mais do contemporâneo, YA, essas coisas hehe.

    Abraços!
    http://lendocomobiel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  28. Olá Morgana!
    Adorei as resenhas. Adoraria ter isso nessa feirinha, acho que faria a festa.
    Esses livros me lembram a época do colegial. Bateu saudade!
    Bjos

    http://paraisodasideas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  29. Eu sou super fã de sebos, às vezes encontramos pérolas, é só saber procurar. Eu li esses dois livros há muito tempo, mas gostei muito dos dois. Gosto de romances epistolares. Que sorte você ter encontrado esse exemplar no sebo, hein! ;)

    Tatiana

    ResponderExcluir
  30. Oi Morgana.
    Ótima resenha.
    Quando eu era mais nova eu li Senhora, mas foi há muito tempo e da biblioteca da escola. Então não me lembro muito bem da escrita de José de Alencar, mas na época sei que me agradou. Esses dois eu nunca tive oportunidade de ler, mas vou procurar em algum sebo por aqui tbm.

    Beijos
    http://aventurandosenoslivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  31. Olá, estou adorando acompanhar alguns blogs que vem resenhando clássicos da nossa literatura. Incrível como a gente não valoriza neh. Inclusive baixei um livro do machado de Assis que pretendo ler em breve. Essas obras só conhecia de nome e adorei as premissas, que são diferentes, mas que acabam se contextualizando de alguma forma. Parabéns! Bjs

    ResponderExcluir
  32. Olá :D
    Li esses dois livros no quando fazia o fundamental II e gostei bastante da leitura. José de Alencar é um autor que indico a todas as pessoas. Dos dois, eu gostei mais de 5 minutos.
    Abraço
    http://interessantedeler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

  33. Oi, tudo bem?
    Eu já li cinco minutos, mas já faz um bommm tempo. Achei interessante a forma como você se expressou: “Às vezes, o diferente e o secreto nos faz querer sempre mais e causa uma paixão avassaladora dentro do nosso peito, faz com que perdemos os sentidos e queremos apenas seguir isso ou aquilo para quem sabe tentarmos ser feliz”. E realmente, às vezes algo nunca experimentado é capaz de nos deixar feliz, perder os sentidos em busca da felicidade. Mas eu não faria algo assim, se ir atrás de um amor sem conhecer ou saber nada a respeito. Já li comentários positivos e não tantos a respeito de Senhora, do autor. Beijos.

    ResponderExcluir
  34. Sua resenha veio em bom momento, flor! Adorei saber sua opinião sobre esses dois textos do autor, porque ainda não li nada dele. Sim, uma vergonha. Mas pretendo dar mais atenção aos clássicos e receber recomendações como essa são animadoras. Interessei-me por ambos os textos! Por isso, vou anotar a dica.

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  35. Oi Morgana!

    Do José de Alencar eu só li Lucíola, quando eu estava no segundo ano do ensino médio, acho que em 2011 isso. Menina, eu quase morri de tanto chorar. kkkkkkkkkkkkk

    Mas enfim, já havia ouvido falar desses dois títulos dele também, mas nunca tive curiosade de ler. Acho que o que eu mais gostaria seria Viuvinha, parece mesmo ter uma trama bem triste e vez ou outra gosto de ler um livro assim. Fiquei curiosa para saber realmente o que Jorge fez... Tenho minhas suspeitas, mas né! RS

    Beijo!
    http://www.roendolivros.com

    ResponderExcluir
  36. oI!!

    Já li Senhora de José de Alencar, porém isso foi na adolescência e confesso que não gostei, entretanto nem recordo o enredo. Não entendi muito sobre 5 minutos, seria um livro reflexivo, eu li e reli e achei que fala sobre momentos, tempo, ação.... seria isso ou estou falando besteira? No segundo livro, viuvinha, fiquei muito curiosa para saber o que aconteceu no relacionamento de Carolina e Jorge. Beijos.

    ResponderExcluir
  37. Olá!
    Adorei as suas resenhas! Que edição linda e interessante essa com as 2 histórias no mesmo volume!
    Sempre tive vontade de ler "O Guarani" e "Lucíola", de autoria do José de Alencar, pois milagrosamente, nunca os li na escola. Mas esses títulos eu ainda não conhecia e, com certeza, vou procurar para leitura, pois adoro conhecer a obra de autores clássicos da literatura brasileira.
    A linguagem quase poética que eles usam é o que mais me encanta, a riqueza nos detalhes, a profundidade (e, ao mesmo tempo, a leveza) com que falam sobre o amor me deixam apaixonada!
    Vão agora mesmo para minha lista de leitura.
    Beijos!

    Karla Samira
    http://www.pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  38. Olá, tudo bem? Legal a edição do livro. Adoro uns vira vira, acho bem divertido. Nunca tinha visto um assim com clássicos. Bom, mesmo na época da escola eu nunca li nada do autor e como sou uma péssima leitora de clássicos, sempre me irrito durante a leitura por causa da escrita, acabo que eles nunca me chamam a atenção de cara. Beijos
    Sil - Estilhaçando Livros

    ResponderExcluir
  39. Oi Morgana!
    Que capa mais linda gente!! *_*
    Ainda não li esses livros do José, mas sei que viuvinha é bem famoso. Um dia preciso me jogar nas obras dele e ver se gosto tanto assim. Só sei que também quero edições de sebo porque são muito melhores *---*
    Beijos

    LuMartinho | Face

    ResponderExcluir
  40. Não curto o estilo de José de Alencar, já tentei ler algumas obras dele, mas não adianta, não gosto, não consigo me envolver. Mas assim mesmo, foi interessante conhecer sua visão sobre essas duas histórias, mesmo que seja um livro que eu não leria, acho que toda a opinião é valida e nos serve como experiência, fico contente que ambas as histórias tenham te agradado e acredito que quem é fã de clássicos, terá uma boa opção de leitura.

    Da Imaginação à Escrita

    ResponderExcluir
  41. Eu nunca li nada do José de Alencar, mas tenho muito interesse em conhecer mais a literatura clássica brasileira. Cinco minutos me interessou bastante, todo esse lance de amar sem ver e tal... Pelo que eu percebi ambas as histórias são rápidas de ler. Eu preciso dar uma passada no sebo e tentar comprar essas preciosidades!
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  42. Já li algumas obras do José de Alencar, inclusive acho que o último livro dele com que tive contato foi Til, para o vestibular - isso faz muito tempo... rs... Não me lembro direito do que achei, mas se não tenho birra do autor devo ter gostado. Não conhecia as duas histórias desse livro, e me interessei particularmente por Cinco Minutos, já senti até um pouco de emoção ao ler sua resenha, acho que vai me tocar bastante.

    Beijo.

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  43. Oieeee! Eu só lembro se ter lido o clássico dos clássicos do José de Alencar que é o senhora. Mas faz milênios, eu tava no Colégio ainda kkkkkkkk eu adoro a linguagem que eles usam, rebuscada! Algumas pessoas tem dificuldade em entender mas eu acho legal pois retrata bem a época em que os livros foram escritos. Bjossss

    http://www.porredelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  44. Oi, Morgana!
    Muito bonitinha mesmo a edição, e interessante as premissas de ambas as histórias, mas não me chamam real atenção de leitura. Ainda não estou na vibe de ler algo mais clássico, tentei ler Machado de Assis no ano retrasado para a escola e não conseguir nem bater dez páginas das duas tentativas que fiz, mas um dia, quem sabe?
    Beijos!

    ♥ Sâmmy ♥
    ♥ SammySacional ♥

    ResponderExcluir

Segredos Literários | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © 2016 | POR:
COMPRE AQUI O LAYOUT QUE SEU BLOG MERECEBILLION DOLLAR LAYOUTS